5 Dicas de experiência do usuário multiplataforma

ux multiplataforma

O consumidor moderno está acessando o conteúdo através de diferentes plataformas. Smartphones, tablets, PCs e até mesmo TVs estão agora sendo usados para navegar e visitar websites.

É importante que os visitantes de seu site desfrutem do mesmo nível de usabilidade, independentemente da plataforma em que o vejam.

Continue lendo para 5 Dicas sobre como melhorar a experiência do usuário multiplataforma de seus clientes.

1. Projeto para mudança 

Esteja atento às mudanças dependentes da plataforma que precisarão ser abordadas ao projetar seu website. Estas incluirão modificações na interface do usuário, assim como no hardware e nas interfaces do sistema operacional, para garantir uma experiência mais suave para todos os seus clientes.

2. Respeitar as limitações de cada plataforma

Você não pode realizar a mesma gama de tarefas em um celular que pode em um PC. Da mesma forma, um tablet e uma TV - ou qualquer combinação deles. Cada plataforma tem seus próprios pontos fortes, seu próprio contexto de uso e seu próprio conjunto de limitações.

Brinque com os pontos fortes e o contexto, mas não tente ir além das limitações, pois isso prejudicará a experiência do usuário multiplataforma.

3. Não faça os usuários rolarem

O que fica bem na tela de um PC pode parecer horrível em um smartphone ou tablet. O excesso de espaço no formato móvel resultará em renderização desordenada e rolagem inevitável. A rolagem horizontal é um determinado desligamento.

Use projetos responsivos, ou adaptáveis que redimensionarão ou apresentarão uma página otimizada dependendo do dispositivo.

4. Fornecer funcionalidade e características baseadas no contexto

Contexto é o que impulsiona a escolha do dispositivo pelo consumidor. Os principais usos para cada um deles são:

Smartphone

  • Em viagem / em casa
  • Comunicar e conectar
  • Breves explosões
  • Snacking de conteúdo

Tablet

  • Em casa
  • Entretenimento e navegação
  • Relaxado
  • Sem pressa

PC/Laptop

  • Escritório ou casa
  • Produtividade, relacionada ao trabalho
  • O levantamento pesado de outros dispositivos não pode lidar
  • Focada, demorada, séria
  • Pesquisa intensiva

Oferecem características específicas do dispositivo e funcionalidade do website que refletem estes contextos, e enriquecem a experiência do usuário multiplataforma.

5. Pense no pedido de conteúdo da página inicial para cada plataforma

As homepages são a vitrine da loja em seu site. A partir dela, o cliente deve ser capaz de encontrar o que deseja com o menor número de cliques possível. Diferentes plataformas apresentam diferentes tamanhos de tela e métodos de interação pelos quais o usuário pode se engajar.

Adaptar o conteúdo contextual para dispositivos específicos e priorizar a ordem em que ele aparece na tela, de modo que o conteúdo importante (como navegação, busca de produtos, ofertas especiais, etc.) esteja no topo, com o conteúdo secundário vinculado mais abaixo.

Assegure-se de que seus clientes desfrutem de uma experiência de usuário multiplataforma contínua e consistente. Para descobrir como, entre em contato com UX24/7 hoje!

Posts relacionados

Deixe um comentário